voltar

O laser como uma forma de tratamento bem-sucedido de Condromalácia

Data de postagem 13/06/2016 | escrito por

Condromalácia  Patelar  é uma  doença  que  afeta  os  joelhos  com  muita frequência, provocando dor na frente e estalidos, principalmente quando a pessoa se agacha, corre, se levanta da cadeira ou sobe e desce escadas.

São vários os estudos científicos que abordam a opção terapêutica de tratamento a LASER. As aplicações do laser são realizadas nos locais de dor relatados pelo paciente e, após as aplicações,  o paciente é submetido à séries de alongamentos e fortalecimentos para cada grupo muscular. Recomenda-se geralmente a realização de pelo menos 10 sessões.

No tratamento da condromalácia com laser , os pacientes já relatam melhora no quadro de dor local e diminuição do incômodo na região da patela após poucas sessões de fisioterapia, observando a evolução no ganho de força muscular além de melhora nos movimentos da articulação do joelho. Nas sessões finais os pacientes tendem a  não apresentar queixas de dor e conseguem desenvolver melhor os exercícios da fisioterapia. Em muitos casos, após a décima sessão, o paciente recebe alta com melhora do quadro apresentado inicialmente.

O tratamento com laser  associado com a cinesioterapia tem sido satisfatório no controle do quadro de dor dos pacientes, podendo ser indicado como método eficaz, não invasivo e de baixo custo no tratamento da condromalácia.

Existem várias formas de tratamentos não cirúrgicos. Medicação e fisioterapia adequados normalmente curam a condromalácia, mas somente um ortopedista especialista em joelho poderá avaliar melhor e definir a terapêutica adequada para cada caso.

Conte para seu médico que a Vincere adquiriu recentemente um aparelho laser com alta potência, entrando para um seleto grupo de clínicas de fisioterapia com esse equipamento no Brasil e que tem profissionais em constante reciclagem, prontos para oferecer o que há de mais avançado nas opções terapêuticas atuais. 

Quer conhecer o relato de um caso de sucesso descrito em uma pesquisa universitária? Clique aqui

Quer fazer uma avaliação com nossa equipe? Entre em contato conosco!